You are using an outdated browser. For a faster, safer browsing experience, upgrade for free today.
Notícia - Black Mirror está...

Black Mirror está de volta! 6 temporada está sendo desenvolvida pela Netflix

Com cinco temporadas e um filme interativo, os últimos episódios de Black Mirror foram lançados em 2019 na Netflix.

    Black Mirror é uma das principais distopias da atualidade e, depois de quase três anos desde o lançamento de sua 5ª temporada, uma 6ª temporada está sendo desenvolvida pela Netflix, de acordo com a Variety. Uma nova leva de episódios da famosa antologia está em andamento pelo streaming, assim como o processo para a escolha do elenco, mas detalhes sobre os enredos ainda são mantidos em segredo.

    Mesmo sem maiores detalhes sobre os novos episódios, espera-se que essa 6ª temporada de Black Mirror tenha mais episódios do que a 5ª temporada, que foi lançada em 2019 e composta por apenas três episódios com Anthony Mackie, Andrew Scott, Yahya Abdul-Mateen II e Topher Grace em seu elenco.

    De acordo com a Variety, uma fonte próxima à produção de Black Mirror comentou que essa nova temporada tem um escopo ainda mais cinematográfico do que as anteriores, com cada episódios sendo tratado como um "filme individual". Nas temporadas recentes da série distópica, seus episódios normalmente ultrapassavam os 60 minutos de duração e apresentavam valor de produção alto.

    Com cinco temporadas disponíveis no catálogo da Netflix e um filme interativo chamado Bandersnatch, Black Mirror explora sensações do mal-estar contemporâneo. Cada episódio conta uma história diferente, traçando uma antologia que mostra o lado obscuro da vida atrelada à tecnologia.

    POR QUE A 6ª TEMPORADA DE BLACK MIRROR ESTÁ DEMORANDO PARA SER LANÇADA?

    Por um tempo, parecia improvável que Black Mirror fosse revivida depois que seu criador, Charlie Brooker, e sua parceira criativa Annabel Jones, se separaram de sua produtora na Endemol e ficaram por conta própria em 2020. Porém, a Netflix rapidamente investiu na empresa em um mega acordo adquirindo partes do negócio em um período de cinco anos, por uma quantia que pode chegar a 100 milhões de dólares.

    Quando Brooker e Jones deixaram House of Tomorrow, os direitos de Black Mirror ficaram com a controladora Endemol Shine Group, que acabou sendo adquirida pelo Banijay Group. Mas, para a sorte dos fãs, um acordo foi alcançado, e a Banijay Rights licenciou a produção de sucesso para a Netflix.

    O próprio Brooker colocou dúvidas sobre o futuro de Black Mirror há dois anos, dizendo à revista Radio Times do Reino Unido no auge da pandemia que: “No momento, não sei que estômago haveria para histórias sobre sociedades desmoronando, então eu não estou trabalhando em um desses. Estou meio ansioso para revisitar meu conjunto de habilidades cômicas, então tenho escrito roteiros para me fazer rir”.

    Nesse meio tempo, Brooker lançou uma restrospectiva anual da Netflix, chamada Death to 2020, repetindo isso no ano passado com o especial Death to 2021. Além disso, ele também foi produtor executivo do especial Clichês de Hollywood: O Cinema Como Você Sempre Viu.

Visualizações: 144